O que esperar da Mineração em 2021? - Rema Tip Top

Mineração 15/12/2020

O que esperar da Mineração em 2021?

A Mineração em 2021

Para 2021, espera-se que a mineração brasileira tenha um desempenho melhor com a recuperação da economia doméstica e global. As perspectivas são de estabilização dados os esforços de recuperação pós-pandemia. O que esperamos para o próximo ano é um clima de negócios muito mais positivo do que este ano.

Como a mineração é considerada pelo governo uma atividade essencial, reduz-se as chances de paralisação da produção dado a necessidade de novos bloqueios caso o país enfrente uma segunda onda de Covid-19, logo as empresas devem manter a operação estável.

Demanda em alta por diferentes minérios

O preço do ouro e do minério de ferro se mantém em alta. Aliado ao aquecimento de mercados como China e Índia, que estão se fortalecendo, as projeções são positivas para as empresas do setor. 

A demanda por cobre se manterá em patamar significativo, pois hoje existe uma tendência no mercado de materiais ligados à produção de baixo carbono, como os veículos elétricos.

Recente estudo aponta crescimento no mercado de commodities agrícolas da China, aumentando assim a necessidade de fertilizantes, outro mercado que está otimista.

Concluindo, o setor de mineração sofre com os impactos de fatores internos e externos, então, era de se esperar que a crise provocada pela pandemia afetasse as empresas do ramo. No entanto, o setor acostumou-se a este contexto de flutuações de preço e necessidade de ajustes, o que, de certa forma, o coloca em posição de vantagem no enfrentamento de crises. 

Felizmente, as maiores mineradoras do Brasil têm enfrentado o momento com força e resiliência, conseguindo manter o equilíbrio financeiro e a performance positiva. 

E você, como vê o futuro da mineração depois da pandemia? Com otimismo ou pessimismo? Deixe sua opinião e comentários no post! 

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *